+55 49
3331 5100
+55 49
3331 5100

Acervo Técnico › MELHORIA NA FABRICAÇÃO DE PEÇAS

Um diferencial na fabricação de peças para acessórios metálicos da Messtechnik é a melhoria contínua nos processos de fabricação das mesmas. Com isso foi definido três pontos para que se possa alcançar a excelência nesse processo, são eles, eliminação do processo de solda, segurança ocupacional e diminuição dos resíduos de fabricação. 

Como é possível perceber os três pontos definidos se ligam, pois se for possível eliminar o processo de solda na fabricação de peças, isso também diminuirá o risco ocupacional dos colaboradores assim como diminuirá os resíduos de fabricação causados por esse processo.

O processo de soldagem é muito útil na fabricação de peças, porem é um processo onde requer um controle de qualidade mais rigoroso, pois peças que são soldadas de forma errada podem não apresentar a resistência mecânica necessária o que pode gerar defeitos de montagem. As peças soldadas também costumam apresentar resíduos de escória, porosidades e outras sujeiras, isso acaba causando defeitos nos tratamentos
superficiais caso a pesa não esteja bem limpa, dando um acabamento ruim a mesma.

Outro defeito causado pelo processo de soldagem é o empenamento causado pela alta temperatura nos pontos de fusão entre os metais.

Como sabemos o processo de soldagem acaba gerando fumos metálicos que são prejudiciais a saúde dos colaboradores, esse fumos aumentam o risco de causar alguma doença ocupacional ao soldador, mesmo que se esteja utilizando todos os equipamentos de proteção individual.

Os resíduos metálicos causados pela solda como sujeiras de escória, são difíceis de serem controlados, sabemos que esses resíduos são extremamente prejudiciais ao meio ambiente. 

Para que seja possível a eliminação do processo de solda em algumas peças de acessórios metálicos, a engenharia da Messtechnik está buscando constantemente inovações no desenvolvimento de seus projetos, as peças que recebiam ligações soldadas estão sendo projetadas para que sejam recortadas através de processos de corte a laser e plasma, e posteriormente dobradas, não havendo a necessidade de um processo posterior.

Este tipo de processo além de diminuir o risco ocupacional e a quantidades de resíduos de fabricação, também está melhorando a qualidade das peças, a resistência mecânica, diminui o tempo de processos de fabricação, diminui os riscos de erros nas ligações soldadas e melhora o acabamento e qualidade visual/aparência da peça. 

Cálculos e projetos estruturais

A engenharia da Messtechnik é qualificada para que se possa realizar todos os cálculos e projetos estruturais conforme as normas brasileiras vigentes, a importância disso se dá na qualidade do produto entregue e a sua garantia.

Todas as normas utilizadas nos cálculos e projetos estão citados abaixo:

  • NBR 6123 – Ação do Vento nas Estruturas;
  • NBR 8800 – Projetos de Estruturas de Aço;
  • NBR 8681 – Ações e segurança nas estruturas;
  • NBR 8261 – Aços estruturais;
  • ASTM A-36 – Aços estruturais;
  • SAE1045 – Aços Estruturais;
  • ASTM A-325 Parafusos, Porcas e Arruelas;
  • ASTM A-307 Parafusos, Porcas e Arruelas;
  • AWS – American Welding Society;
  • NBR 6323 – Produto de aço ou ferro fundido revestido de zinco por imersão a quente;
  • ISO 12944-5 – Paints and varnishes – Corrosion protection of steel structures by protective paint systems;
  • Manual de tratamento de superfície e pintura – Instituto Brasileiro de Siderurgia – Centro Brasileiro da Construção em Aço;
  • Prática Telebrás 240-410-600 Procedimentos de Projeto para Torres Metálicas
  • Autoportantes, Estaiadas e Postes.

Tratamento superficial

Todas as estruturas metálicas e peças para acessórios metálicos da Messtechnik recebem um tratamento superficial para que se possa aumentar a vida útil as mesmas. Para definir o tratamento superficial adequado primeiro é feita a análise do local onde a torre será instalada que geralmente é em ambiente rural ou maresia, a partir disto é definido o tratamento superficial ideal para a torre.

A Messtechnik tem adotado como padrão a galvanização de todas as suas estruturas e acessórios metálicos para que se possa dar uma qualidade melhor a peça e garantir a sua resistência a corrosão para o ambiente em que a torre será instalada. 

Como a resistência a corrosão da estrutura já é assegurada pela galvanização, a pintura da mesma pode ser feita a partir de pintura eletrostática a pó que tem uma resistência química menor que a pintura liquida mas apresante uma melhor resistência mecânica e uma melhor qualidade visual.

Voltar para Acervo Técnico