+55 49
3331 5100
+55 49
3331 5100
Postado em 06 de Abril de 2016 às 10h17

Mais sol e vento na energia brasileira

Novidades (3)
Messtechnik | Instalação e manutenção de estações de medição anemométrica | Sensor e potencial eólico Leilão de renováveis traz 1,4 GW para a matriz energética. A passos lentos, o Brasil ruma à expansão da...

Leilão de renováveis traz 1,4 GW para a matriz energética. A passos lentos, o Brasil ruma à expansão da energia limpa.

Aconteceu nesta sexta-feira (13/11) mais um leilão de energia e dessa vez, focado nas fontes renováveis solar e eólica. A contratação total foi de 1,4 GW. Disso, 929,34 MW são de projetos fotovoltaicos, contratados a um preço médio de R$297,75.

Somado ao que foi vendido no último leilão exclusivo para a fonte, em agosto, ultrapassou-se a marca dos 1,7 GW – metade da contratação de energia renovável de 2015.

Esses projetos serão essenciais para suprir a futura demanda de eletricidade, principalmente durante o verão, quando ela é maior. Mesmo que a passos lentos, parece que o Brasil está no caminho certo para a expansão da energia solar e para o desenvolvimento de uma indústria nacional da fonte.

Para continuar nessa direção, contudo, é preciso que o Governo conceda mais incentivos, tanto para a forma centralizada, quanto na forma descentralizada das fontes fotovoltaicas. Afinal, o maior potencial para desenvolver a energia solar está bem em nossos telhados, mas segue despercebido pelo Governo Federal.

Fonte: greenpeace.org